Saltar para o conteúdo principal da página
Património Mundial

Centro Histórico de Guimarães

Descrição

O Centro Histórico da cidade de Guimarães encerra nas suas ecléticas edificações parte significativa da história do território português. Desde as habitações “terreiras”- casas simples de um só piso, às habitações de um e dois sobrados, das nobres “casas-torre” ao imponente Paço Ducal, a cidade guarda um conjunto arquitectónico de ímpar valor patrimonial datado dos séculos XIII, XIV e XV.
Pelo século XVI regista-se a criação de novas tipologias habitacionais no aglomerado urbano, caracterizadas pela singularidade formal e decorativa das fachadas, pela qualidade das cantarias e pela ostentação de pedras de armas. No século XVII, a par da crescente diversidade de tipologias construtivas, surge a uniformização de volumetria e altura dos edifícios, a supressão de cornijas e assentamento directo de coberturas sobre o topo das fachadas, criando um singular e característico efeito de avanço de beirais sobre o traçado dos arruamentos.
Excepcionalmente preservado, através de um trabalho continuado de boa gestão urbanística, o centro Histórico de Guimarães ascendeu à categoria de Património Mundial em 2001.

Outras ligações:
UNESCO - Historic Centre of Guimarães

Câmara Municipal de Guimarães